terça-feira, 7 de outubro de 2008

Solidários


(Sarah in Her Dad's Hand - John Forst)

.
.
.
SOLIDÁRIOS
(André L. Soares)
.
Ilhas de náufragos que se ajudam
trocando apoio, mesmo que mínimo,
ainda que o esforço pareça infindo
nunca lhes falta a esperança;...
ilhas de náufragos, que ao mar se
lançam... ávidos por salvar mais vidas.
.
Podem essas rochas ser resistentes,...
ordem de homens que não se rendem,
enfrentando a fúria das tempestades,
todas as dores que nem são suas,
até que se alcancem os continentes.
.
.
.

.
Leia também:
Alma de Poesia /Gritos Verticais /Natureza Poética /O Poema de Cada Dia /Poética Herética /Raiz de Cem /Sons de Sonetos


4 comentários:

  1. enfrentar tudo até chegar ao continente, isso me lembra um texto onde o homem diz para Deus, o horizonte não serve para nada pois quanto mais ando em sua direção mais ele se afasta, e Deus responde, mas é justamente essa a utilidade do horizonte não deixar você parar, fazer avançar sempre.

    ResponderExcluir
  2. está combinado então, André, vou incluí-los agora.

    Um grande abraço.
    ellen regina
    www.facetasdemim.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Boa noite,

    Sou Teresamaremar do espaço
    www.NasTintasParaAsRegras.blogspot.com.

    Venho informar que Elisabete Cunha – http://betescunha.blogspot.com/ - tem vindo a copiar integralmente, desde Setembro último, os meus textos e recolha de imagens.
    Porque, contactei essa senhora, duas vezes, via email, de forma a que retirasse os meus trabalhos do seu espaço, não tendo obtido qualquer resposta, sou a esclarecer que são integralmente de minha autoria os posts por essa senhora publicados nos dias,

    4 Setembro 2008
    7 Setembro 2008
    8 Setembro 2008
    10 Setembro 2008
    13 Setembro 2008
    22 Setembro 2008
    30 Setembro 2008
    1 Outubro 2008
    10 Outubro 2008
    18 Outubro 2008
    29 Outubro 2008

    como poderá ser constatado no meu blog, acima referido, e correspondem às minhas publicações seguintes,

    26 Maio 2007, Primórdios da arte ocidental
    22 Maio 2007, Tecriar o Passado
    17 Maio 2007, Da têmpera ao Oleo
    12 Maio 2007, A tela, invenção renascentista
    5 Maio de 2007, Perspectiva, a ilusão da percepção
    4 Maio 2004 (nota de abertura do meu blog)
    6 Maio 2007, (IN)descrição das cores
    10 Maio 2007, Psicologia das cores
    20 Junho 2007, Das trevas à luz
    9 Junho 2007, O olhar mágico
    13 Junho 2007, Em tentação
    3 Julho 2007, Do feminino e do masculino na arte
    16 Agosto 2007, On Va à la Plage
    24 Setembro 2007, Traço.Linha.Ponto

    Considero que referir no final desses posts Fonte: Nas Tintas Para As Regras, é apenas a forma de dissimular a infracção que vem fazendo, pois que tal não é referência de uma fonte, porquanto
    . não indica que se trata de um blog,
    . não contém hiperligação para esse (meu) blog,
    . não indica o endereço deste – www.nastintasparaasregras.blogspot.com –
    . nem tão pouco inclui qualquer referência ao autor teresamaremar

    Mais acrescento que, uma fonte é, eventualmente, um lugar de onde retiramos uma imagem, uma ideia ou uma frase mas da qual nunca se faz uma cópia total do que outro escreveu e investigou, trabalho dedicado e, tantas vezes, demorado.
    Mais me surpreende que essa senhora agradeça os comentários que lhe deixam nesses mesmos posts, sem que refira ser teresamaremar a autora dos mesmos.

    A bem da seriedade bloguista

    Cumprimentos

    ResponderExcluir
  4. Gostei muito deste "Solidários"...é bom poder ter ainda esperança...que existem almas boas que contra ventos e marés...não desistem

    ****

    ResponderExcluir